Clique para ampliar

Compartilhar:

COPA DO 1962 Jornal El Diario Ilustrado BRASIL: CAMPEON MUNDIAL INVICTO, Santiago, 18 de Junho de 1962.

COPA DO 1962 Jornal El Diario Ilustrado BRASIL: CAMPEON MUNDIAL INVICTO,

Santiago, 18 de Junho de 1962.

 

Manchete sobre o BICAMPEONATO MUNDIAL DA SELEÇÃO BRASILEIRA EM 1962.

Jornal NO ESTADO; apresenta manchas e pontos de oxidação em função do tempo; o jornal está dobrado ao meio.

Tamanho (aberto): 62 x 40 cm. Texto em espanhol.

 

 

Quatro anos depois de conquistar a Copa do Mundo pela primeira vez, o Brasil viajou até o Chile para defender o título. Em busca do bi, a Seleção apostava na dupla formada por Garrincha e Pelé para se igualar a Uruguai e Itália como os maiores campeões mundiais.

A Seleção abriu a competição com uma vitória tranquila por 2 a 0 sobre o México, com gols de Pelé e Zagallo. Mas a campanha de Pelé na Copa do Mundo foi encurtada graças a um infortúnio. No empate por 0 a 0 com a Tchecoslováquia, o Rei sentiu uma lesão muscular e teve de ser substituído. A distensão no adutor da coxa esquerda, aos 27 minutos do primeiro tempo, pôs um ponto final na participação de Pelé no Mundial do Chile.

O Rei foi substituído na equipe por Amarildo, que não deixou o nível da Seleção cair e foi uma peça importante na conquista do bicampeonato. Com três gols marcados, o "Posesso", como era conhecido, foi o vice-artilheiro da Seleção e da Copa do Mundo. No time brasileiro, ficou atrás apenas de Garrincha e Vavá, que marcaram quatro vezes durante a competição.

Apesar da ausência de Pelé, a Seleção ainda podia contar com o talento de Mané Garrincha, além de Nilton Santos, Zagallo, Didi e tantos outros. Sem Pelé, o Anjo das Pernas Tortas entrou em ação, assumiu o protagonismo e liderou o Brasil ao título. Foram quatro gols, dribles insinuantes e atuações de tirar o chapéu.

Nas quartas, contra a Inglaterra, o Mané foi "jurado" pelo lateral Ronald Flowers, que prometeu anular o ponta brasileiro. Resultado? 3 a 1 para o Brasil, com dois gols de Garrincha. Na semi, contra o Chile, os donos da casa, Garrincha foi mais uma vez decisivo e marcou os dois primeiros gols do Brasil no triunfo por 4 a 2. No fim do jogo, Garrincha ainda foi expulso, mas em julgamento posterior, o atacante teve o cartão anulado e pôde entrar em campo na final.

Na decisão, Garrincha fez um esforço físico para poder atuar. Com 38 graus de febre, o Mané foi titular e, mesmo assim, fez a diferença para o Brasil. Afinal, aonde quer que ele fosse, a defesa da Tchecoslováquia precisava levar dois marcadores. Ao fim, o Brasil venceu por 3 a 1, com gols de Amarildo, Zito e Vavá, e garantiu a segunda conquista de Copa do Mundo da história da Seleção Brasileira e da carreira de Pelé.

 

https://www.cbf.com.br/selecao-brasileira/noticias/index/pele-80-anos-a-lesao-na-copa-do-mundo-de-1962-abencoada-por-garrincha

Produtos recomendados

DENTE DE MAMUTE Retirado de Parque de Diversões, Fabricado em Fibra de Vidro e Ferro, Medindo 4 Metros Comprimento

DENTE DE MAMUTE Retirado de Parque de Diversões, Fabricado em Fibra de Vidro e Ferro, Medindo 4 Metros Comprimento

por R$ 8.000,00
ou 3x de R$ 2.666,67 sem juros
ou R$ 7.200,00 por depósito bancário
Rádio MARLBORO Formato Maço de Cigarro Ano 1982

Rádio MARLBORO Formato Maço de Cigarro Ano 1982

por R$ 80,00
ou 3x de R$ 26,67 sem juros
ou R$ 72,00 por depósito bancário
Sobre nós

Somos a Casa do Velho e desde 2014 buscamos oferecer para amigos e clientes, objetos antigos, colecionáveis e decorativos, buscando sempre itens singulares e excêntricos para sua casa, coleção ou cenário.

Pague com
Facebook
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura