Clique para ampliar

Compartilhar:

Fotografias ORIGINAIS de O CHALAÇA (Amigo do Imperador Dom Pedro I) Ópera Comica em Dois Quadros de FRANCISCO MIGNONE Que estreou no Rio de Janeiro em 1976

Fotografias ORIGINAIS de O CHALAÇA (Amigo do Imperador Dom Pedro I)

Ópera Comica em Dois Quadros de FRANCISCO MIGNONE Que estreou no Rio de Janeiro em 1976

São 33 fotografias

Maior Formato 24x17cm / Menor Formato 12,5x9cm

Francisco Mignone (3 de setembro de 1897 – 19 de fevereiro de 1986) está imortalizado como compositor brasileiro de música erudita, sendo autor de obras para piano e para violão. Pianista, flautista e maestro, o paulistano Mignone vem tendo inclusive essa obra cada vez mais valorizada no mundo da música clássica nacional.

Além desse universo da música dita erudita, a obra do compositor inclui 27 títulos criados por Mignone entre os anos 1910 e 1930 sob o pseudônimo de Chico Bororó.

Francisco Mignone estreou sua segunda ópera, “L’Innocente”, no TMRJ, em 1928.
Se a primeira, “O Contratador de Diamantes” (TMRJ, 1924), mesclava o estilo italiano com algumas intervenções de música de caráter nacionalista brasileiro, como a congada do segundo ato ou a canção folclórica “Gavião de penacho”, no terceiro ato, “L’Innocente” é um típico produto do verismo tardio italiano, o que suscitou críticas severas por parte do escritor Mário de Andrade, que aconselhou o compositor a abandonar o caminho da ópera italiana e dedicar-se à florescente escola nacionalista.
 
O conselho foi seguido e Mignone firmou-se como um dos maiores expoentes do nacionalismo musical brasileiro.
 
O autor só retornou à composição de óperas muitos anos mais tarde, quando estreou suas “O Chalaça” e “O Sargento de Milícias”, de delicioso sabor nacionalista, em 1976 e 1978, respectivamente.
Mas o fato é que Mignone foi mestre em todos os estilos que praticou.
 
 
CHALAÇA

Se o Brasil fosse mesmo um país sério, digno de pertencer ao tal Primeiro Mundo, deveria assumir como um de seus patronos o comendador Francisco Gomes da Silva, mais conhecido por aquilo que antigamente chamavam de ""alcunha": o Chalaça. É uma personalidade fascinante, que contamina um tempo, é dessas figuras extraordinárias que só os países produtores de história conseguem colocar no palco dos acontecimentos que realmente importam.

Chalaça, foi o melhor amigo de Dom Pedro I. Ele e o príncipe se conheceram de um jeito bem diferente e se tornaram inseparáveis. Chalaça foi secretário e o braço direito de Dom Pedro e juntos construíram uma nação. O jornalista e historiador Eduardo Bueno conta detalhes da amizade dos dois e também explica a vida do Chalaça. Assista ao vídeo abaixo!

Personagem Retratado na ópera "O Chalaça", do compositor brasileiro Francisco Mignone, estreada em 1971 no Theatro Municipal do Rio de Janeiro. 

 

 

 

 

 

 

 

https://www1.folha.uol.com.br/fsp/ilustrad/fq1904200232.htm

 

Produtos recomendados

CARLOS GALHARDO Compacto AUTOGRAFADO Renúncia / Nem Santo RCA VICTOR Anos 1960

CARLOS GALHARDO Compacto AUTOGRAFADO Renúncia / Nem Santo RCA VICTOR Anos 1960

por R$ 500,00
ou 3x de R$ 166,67 sem juros
ou R$ 450,00 por PIX ou DEPÓSITO
Publicidade da CASA COLOMBO Rio de Janeiro Original do Início do Séc. XX

Publicidade da CASA COLOMBO Rio de Janeiro Original do Início do Séc. XX

por R$ 60,00
ou 3x de R$ 20,00 sem juros
ou R$ 54,00 por PIX ou DEPÓSITO
GETÚLIO VARGAS Carta Patente Assinada Pelo 14° PRESIDENTE DO BRASIL Datada de 28 de Fevereiro de 1945

GETÚLIO VARGAS Carta Patente Assinada Pelo 14° PRESIDENTE DO BRASIL Datada de 28 de Fevereiro de 1945

por R$ 400,00
ou 3x de R$ 133,33 sem juros
ou R$ 360,00 por PIX ou DEPÓSITO
Sobre nós

Somos a Casa do Velho e desde 2014 buscamos oferecer para amigos e clientes, objetos antigos, colecionáveis e decorativos, buscando sempre itens singulares e excêntricos para sua casa, coleção ou cenário.

Pague com
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura