Clique para ampliar

Compartilhar:

CLUBE O VINGADOR Jornalzinho Mensal O VINGADOR! Distribuído Gratuitamente Pela PALMOLIVE aos Sócios do Clube, Original de Setembro de 1944

CLUBE O VINGADOR Jornalzinho Mensal

O VINGADOR! Distribuído Gratuitamente Pela PALMOLIVE aos Sócios do Clube, Original de Setembro de 1944

 

Nessa edição " O Vingador Contra o Assassino do Monte Azul"

formato 27cm x 60cm ( jornalzinho aberto)

 

Completo com 6 páginas, formato 20cm x 27cm 

bom estado, apenas amarelado pelo tempo

 

Péricles do Amaral, essencialmente homem de rádio, ajudou a criar com seus argumentos personagens nacionais de sucesso, foi quem trouxe o personagem Lone Ranger, erroneamente chamado de Zorro por aqui (anos mais tarde), em uma rádio-novela irradiada pela Rádio Farroupilha, do Rio Grande do Sul, em 1943.

O programa, chamado na época de O Vingador, era patrocinado pela Colgate Palmolive, e ganhou as tirinhas dos jornais por aqui, ilustradas por Fernando Dias da Silva. Seu cavalo chamava-se Blackie (Silver, no original) e o índio Tonto foi rebatizado de Calunga na primeira versão brasileira do personagem.

A estratégia da agência Standard, detentora da conta publicitária da Colgate-Palmolive, incluía a criação do Clube do Vingador.

Os jornais publicavam um cupom com um juramento que deveria ser subscrito pelo candidato a sócio “Juro ser sempre honesto e defender os fracos contra os fortes!” dando direito ao distintivo do Vingador de aço esmaltado em cores, a um jornalzinho mensal de seis páginas com aventuras em quadrinhos (desenhadas por Fernando Dias da Silva e Mário de Morais) e a uma senha secreta trocada a cada mês, permitindo que os sócios se identificassem entre si. 

O Vingador surgiu pela primeira vez em fevereiro de 1943, transmitido diariamente (menos aos domingos), das 17:45 as 18:00. Mas acabou desaparecendo no pós-Guerra. Nos anos 60, no entanto, a editora Outubro lançou um novo Vingador, ainda um cowboy mascarado, mas desta vez todo vestido de negro e cuja identidade secreta era a do pacato Nelson Coston, um vaqueiro de Dodge City. Por esconder sua valentia, o pobre Coston era desprezado pela bela Sally, filha do dono do jornal local. Quando surgiam problemas, o calmo cowboy se transformava no Vingador, montado em seu fiel cavalo, Raio Branco.

 

http://www.radionors.jor.br/2013/07/ao-tropel-do-cavalo-blackie-chega-o-vingador-palmolive.html

Produtos recomendados

MEMORABILIAS do Jogador JOEL do Flamengo e Campeão Mundial com a Seleção Brasileira na Copa de 1958

MEMORABILIAS do Jogador JOEL do Flamengo e Campeão Mundial com a Seleção Brasileira na Copa de 1958

por R$ 1.600,00
ou 3x de R$ 533,33 sem juros
ou R$ 1.440,00 por PIX ou DEPÓSITO
Cartaz Original O HOMEM PROJECTIL Eduardo Temperani, Original dos Anos 1930

Cartaz Original O HOMEM PROJECTIL Eduardo Temperani, Original dos Anos 1930

por R$ 9.900,00
ou 3x de R$ 3.300,00 sem juros
ou R$ 8.910,00 por PIX ou DEPÓSITO
Sobre nós

Somos a Casa do Velho e desde 2014 buscamos oferecer para amigos e clientes, objetos antigos, colecionáveis e decorativos, buscando sempre itens singulares e excêntricos para sua casa, coleção ou cenário.

Pague com
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura