Clique para ampliar

Compartilhar:

Ofício Assinado pelo BARÃO DA GAVIA em 19 de Setembro de 1876

Ofício Assinado pelo BARÃO DA GAVIA em 19 de setembro de 1876

Sobre pedido de soldado

Manuel Antônio da Fonseca Costa, primeiro e único barão, visconde com grandeza e marquês da Gávea, (Rio de Janeiro, 24 de abril de 1803 — Rio de Janeiro, 13 de junho de 1890) foi um militar brasileiro, chegando ao posto de marechal. Exercia também funções como conselheiro do Exército e comandante-superior da Guarda Nacional.

Filho de Manuel Antônio da Fonseca Costa e de Maria Balbina da Costa Barros. Casou-se com Maria Amália de Mendonça Corte Real, com a qual gerou numerosa descendência, destacando-se João de Sousa da Fonseca Costa, visconde da Penha, e Maria Balbina da Fonseca Costa, casada com José Joaquim de Lima e Silva Sobrinho, conde de Tocantins. Era tio da viscondessa de Fonseca Costa e de Possidônio da Fonseca Costa, primeiro rei de Armas do Império.

Promovido a tenente em 1826, foi promovido sucessivamente até chegar a marechal em 1866. Em 1885 era conselheiro do guerra, ajudante general, veador de Sua Magestade a Imperatriz e presidente da comissão de promoções do Exército.

Recebeu o baronato por decreto de 17 de maio de 1871, o viscondado com honras de grandeza por decreto de 19 de setembro de 1879 e o marquesado por decreto de 16 de maio de 1888.

Sobre nós

CASA DO VELHO acredita que valorizar os objetos de nossos antepassados é contribuir para preservar nossa história. É cultivando as lembranças da infância, dos itens que marcaram época, dos objetos inusitados que nos conectamos à nossa própria história

Pague com
Facebook
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura
Siteseal