Clique para ampliar

Compartilhar:

Circular passada pela Presidência da Província do Pará Assinada pelo seu Presidente FRANCISCO MARIA CORREIA DE SÁ E BENEVIDES em 16 de Novembro de 1875

Circular passada pela Presidência da Província do Pará, assinada por seu Presidente

Francisco Maria Correia de Sá e Benevides

em 16 de novembro de 1875

Sobre vapor que ia a Corte.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Francisco_Maria_Correia_de_S%C3%A1_e_Benevides

Francisco Maria Correia de Sá e Benevides (18 de abril de 1846, — 15 de outubro de 1896) foi advogado e político brasileiro.

Natural de Campos dos Goitacases, Rio de Janeiro, filho de José Maria Correia de Sá e Benevides e de Leonor Maria Saldanha da Gama. Neto paterno de Salvador Correia de Sá e Benevides, quinto visconde de Asseca, e materno de João de Saldanha da Gama Melo Torres Guedes Brito, sexto conde da Ponte. Eram seus irmãos os igualmente políticos Salvador e José Maria, além de Antônio Maria Correia de Sá e Benevides, bispo de Mariana.

Casou-se, em 1870, com Olímpia Sofia Helena de Pascoal (Londres, Inglaterra, 10 de junho de 1846 - Rio de Janeiro, 19 de julho de 1898, que, depois de se casar, passou a assinar Olímpia de Pascoal e Benevides), filha de Emília Cristina Soares de Pascoal e de Antônio Teodoro de Pascoal.

Foi promotor e, posteriormente, chefe de polícia do Rio de Janeiro; chefe de polícia da província de Minas Gerais por decreto de 11 de abril de 1874; presidente da província do Maranhão, de 18 de dezembro de 1876 a 28 de março de 1878, e presidente da província do Pará, de 1875 a 1876.

Era secretário do governo do Rio Grande do Sul na época da Guerra da Tríplice Aliança, para o que fora nomeado por carta imperial de 26 de maio de 1869.

Foi nomeado cavaleiro da Legião de Honra pelo governo francês, em 1877.

Seus restos mortais foram sepultados no Cemitério de São João Batista

Produtos recomendados

Imposto de Predial  Prefeitura do Districto Federal (Rio de Janeiro)  Exercício de 1905

Imposto de Predial Prefeitura do Districto Federal (Rio de Janeiro) Exercício de 1905

por R$ 30,00
ou 3x de R$ 10,00 sem juros
ou R$ 27,00 por depósito bancário
TERMO DE RESPONSABILIDADE Para Embarcação de Mercadorias   Emitido em  19 de Novembro de 1900

TERMO DE RESPONSABILIDADE Para Embarcação de Mercadorias Emitido em 19 de Novembro de 1900

por R$ 250,00
ou 3x de R$ 83,33 sem juros
ou R$ 225,00 por depósito bancário
 Imposto de Predial  Prefeitura do Districto Federal (Rio de Janeiro) Exercício de 1902

Imposto de Predial Prefeitura do Districto Federal (Rio de Janeiro) Exercício de 1902

por R$ 30,00
ou 3x de R$ 10,00 sem juros
ou R$ 27,00 por depósito bancário
Ofício Assinado por VISCONDE DE MONTE ALEGRE Datado de 15 de Fevereiro de 1850

Ofício Assinado por VISCONDE DE MONTE ALEGRE Datado de 15 de Fevereiro de 1850

por R$ 300,00
ou 3x de R$ 100,00 sem juros
ou R$ 270,00 por depósito bancário
Sobre nós

CASA DO VELHO acredita que valorizar os objetos de nossos antepassados é contribuir para preservar nossa história. É cultivando as lembranças da infância, dos itens que marcaram época, dos objetos inusitados que nos conectamos à nossa própria história

Pague com
Facebook
Newsletter

Assine nossa mala direta e receba muitas ofertas por e-mail.

Loja segura
Siteseal